Google+ Badge

terça-feira, 12 de agosto de 2014

O ESTILO AMERICAN PALE ALE SEGUNDO O BJCP

Por Letícia Souza Gomes e Artur Neves


O BJCP (Beer Judge Certification Program) define as diretrizes de estilo para cerveja. Nesse guia podemos encontrar todos os estilos conhecidos até hoje, analisando a cerveja sob todos os aspectos: cor, aroma, sabor, corpo, densidade, teor alcoólico e muito mais.

American Pale Ale

Pale Ale Americana

Aroma: Aroma de lúpulo geralmente de moderado a forte e resultante de dry-hopping ou adições tardias na fervura de variedades americanas de lúpulos. Caráter cítrico de lúpulo é bastante comum, mas não obrigatório. Maltosidade de baixa a moderada que suporta a apresentação do lúpulo e pode, opcionalmente, apresentar pequeno caráter de maltes especiais (como pão, tipo tostado, como biscoito). Ésteres frutados variam de moderado a nenhum. Sem diacetil. O dry-hopping (se utilizado) pode adicionar notas gramíneas, embora esta característica não deva ser excessiva.

Aparência: Coloração de dourado pálido a âmbar profundo. Colarinho de branco a quase branco moderadamente abundante, com boa retenção. Geralmente bem límpida, ainda que versões que passam por dry-hopping possam ser levemente turvas.

Sabor: Sabor de lúpulo normalmente de moderado a alto, muitas vezes apresentando caráter de lúpulos americanos (embora outras variedades possam ser utilizadas). O caráter de malte limpo de leve a moderadamente alto dá suporte à apresentação do lúpulo e pode, opcionalmente, demonstrar pequena quantia de caráter de maltes especiais (como pão, tipo tostado, como biscoito). O equilíbrio é tipicamente em direção aos últimos lúpulos adicionados e ao amargor, mas a presença do malte pode ser substancial. Sabores de caramelo são normalmente baixos ou ausentes. Ésteres frutados podem ser de moderados a ausentes. Amargor de lúpulo de moderado a alto com um final médio a seco. O sabor e o amargor do lúpulo normalmente persistem até o final. Sem diacetil. O dry-hopping (se utilizado) pode adicionar notas gramíneas, entretanto esta característica não deva ser excessiva.

Sensação na Boca: Corpo de médio-leve a médio. Carbonatação de moderada a alta. Final suave e sem a adstringência normalmente associada à grande quantidade de lúpulo.

Impressão Geral: Refrescante e lupulada, contudo com uma quantidade suficiente de malte para dar suporte.

História: Uma adaptação americana da English Pale Ale, refletindo os ingredientes nativos (lúpulos, malte, levedura e água). Normalmente de cor clara, limpa de subprodutos da fermentação e com menos sabores de caramelo do que sua contraparte inglesa.

Comentários: Existe alguma sobreposição de cor entre a Pale Ale americana e a Amber Ale americana. A Pale Ale americana é geralmente mais límpida, possui um perfil com menos maltes caramelados, menos corpo e, com frequência, final mais lupulado.

Ingredientes: Malte pale ale, tipicamente americano de duas fileiras. Lúpulos americanos, com frequência, mas não sempre, de caráter cítrico. Levedura ale americana. A água pode variar no conteúdo de sulfatos, mas a quantidade de carbonatos deve ser relativamente baixa. Grãos especiais podem adicionar caráter e complexidade, mas geralmente compõem uma pequena parte dos grãos. Os grãos que adicionam sabor e complexidade de malte, leve dulçor e notas tipo tostado ou como pão são comumente utilizados (em conjunto com os lúpulos de adição tardia) para diferenciar as marcas.

Estatísticas: OG: 1,045 – 1,060

IBUs: 30 – 45 FG: 1,010 – 1,015

SRM: 5 – 14 ABV: 4,5 – 6,2%
 
 
OG – Original Gravity: Densidade Original. Medida da densidade do mostoantes da fermentação, que varia com a quantidade de açúcares em solução.
IBU – International Bittering Units: Unidades Internacionais de Amargor. Escala referente ao amargor do lúpulo.
FG – Final Gravity: Densidade Final. Medida da densidade do mosto fermentado. A relação entra a OG e a FG ajuda a estimar o teor alcoólico da cerveja final.
SRM – Standard Reference Method: Método Padrão de Referência, relativo à cor da cerveja, sendo valores mais baixos para cores mais claras e valores mais altos para cores mais escuras.
ABV – Alcohol by Volume: Volume de álcool por volume total de líquido (álc./vol.). Expressa o teor alcoólico.
 
CERVEJAS NACIONAIS:
·         Way American Pale Ale
·         Júpiter American Pale Ale
·         Iracema American Pale Ale
·         Insana American Pale Ale
·         Way Double American Pale Ale
·         Edelbrau Pale Ale
·         Colorado Indica






 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário