Google+ Badge

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

CERVEJAS COLABORATIVAS - STOUT

Por Letícia Souza Gomes e Artur Neves


Dia 04 de agosto de 2014, o Brasil ganha mais uma cerveja especial no mercado: a Saravá. Trata-se de uma Imperial Stout, cerveja bastante alcoólica e encorpada (9,0% ABV) e licorosa, com muitas camadas de aromas e persistente sabor de malte torrado. A Imperial Stout é uma versão mais robusta da Stout. Mesmo retendo suas características de sabor e aroma, ela possui entre 8,5% e 12% de álcool. É uma cerveja licorosa, forte e encorpada com predominância das notas de álcool e do malte torrado no paladar, ou seja, uma preciosidade cervejeira. A cerveja Saravá é uma parceria da Cervejaria Burgman, de Sorocaba e, da Cervejaria Nacional de São Paulo.

Segundo o site da Cervejaria Nacional, a 3a edição desta clássica sazonal, a Saravá, desta vez feita em duas versões: chope e garrafa. Numa parceria com o Mestre Alexandre Sigolo (Cervejaria Burgman), foi desenvolvida em duas etapas: um lote de 2.500L feito na Cervejaria Burgman (Sorocaba) e outro de 400L feito na Cervejaria Nacional (São Paulo). A grande novidade é que parte da produção foi envelhecida em barris de bourbon pelo período de 3 meses e depois “blendada” com outra parte maturada em inox. A cerveja produzida na Burgman foi engarrafada e a da Nacional será servida exclusivamente como chope. Ambas têm 9% de teor alcoólico e 60 IBU’s.


Além da Cerveja Saravá, a Cervejaria Nacional está em outro lançamento com parceria. Trata-se da Cerveja Betume: uma cerveja colaborativa feita pelo Instituto da Cerveja, pela Cervejaria-Escola Sinnatrah (São Paulo) e pelo cervejeiro Murilo Foltran (Cervejaria DUM, Curitiba), que, junto com o cervejeiro Guilherme Hoffmann, comandaram as panelas na Cervejaria Nacional (São Paulo). Servida exclusivamente como chope, tem 11% de graduação alcoólica e 100 IBU’s.






 

Nenhum comentário:

Postar um comentário