Google+ Badge

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

CERAFLAME – RIO NEGRINHO (SC)

Por Letícia Souza Gomes e Artur Neves


O ceramista alemão Klaus Schumacher faleceu em 2011, deixando uma história de sucesso que merece ser compartilhada com os consumidores da marca em todo o país. Ele nasceu na cidade alemã de Hamburgo no dia 13 de novembro de 1925. Aos 21 anos, depois de passar pelo Serviço Militar e trabalhar com agricultura, Klaus Schumacher – fundador da Ceraflame – teve seu primeiro contato com a cerâmica. Na cidade de Bistensee, também na Alemanha, se formou ceramista. Em 1952 casou-se com Maria Erdmuthe, técnica em pintura cerâmica, e no mesmo ano vieram morar no Brasil com a filha Karin, de sete meses.

Da união, Klaus teve mais quatro filhos: Ursula, Sigrid, Anke e Klaus Jr. O casal trabalhou na cidade catarinense de Pomerode, transferindo-se depois para Rio Negrinho. Lá, em 1954, fundaram a empresa individual Klaus Schumacher.

Naquela época, quando o casal ainda se adaptava com o país, com os costumes e com o idioma, somente Klaus e sua mulher trabalhavam no desenvolvimento da empresa, fazendo pesquisas de matérias-primas, construindo fornos e produzindo artigos em pequenas quantidades. Quatro anos mais tarde, ele comemorou um dos momentos mais históricos de sua carreira profissional: a fundação da Ceramarte em dois de outubro de 1956, hoje uma das mais tradicionais e importantes do setor em todo o país.

Na década de 70, a empresa começa a expandir seus negócios pelo mundo, tornando-se a maior fabricante de canecos do mundo. Até 2005, forneceu mais de 30.000.000 de canecos para a maior cervejaria do mundo, a Budweiser, além de 18.000.000 canecos com tampa para a Avon, uma das gigantes do setor de cosméticos. Estes foram apenas dois dos grandes e importantes clientes conquistados pela empresa.

Hoje, os produtos das Ceraflame estão espalhados pelas cervejarias artesanais, bares, pubs e empórios, com seus growlers, canecas, tulipas, tudo personalizado com bom gosto e arte.

 

 


 




 
Fonte: CERAFLAME
 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário