Google+ Badge

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

CERVEJAS ARTESANAIS - ESTILOS


Por Letícia Souza Gomes e Artur Neves









Existe uma variedade enorme de cervejas artesanais na Alemanha, na Bélgica, nos Estados Unidos e muito mais. Aqui no Brasil ainda estamos no processo de descoberta de novos estilos, bem mais saborosos e verdadeiros do que as cervejas massificadas. Vamos conhecer um pouco mais sobre os estilos das cervejas artesanais? Nossa pesquisa teve como fonte o BRASIL BEER - O guia das cervejas brasileiras, de Henrique Oliveira e Hélcio Drumond, edição 2013.


Larger Tipo Pilsen: cervejas que apresentam uma coloração amarelo-dourado brilhante. Possuem aroma do lúpulo e sabor do malte, com corpo leve e amargor que varia do suave ao intenso. Espuma branca e cremosa. Teor alcoólico médio.


Larger Tipo Vienna: cervejas que variam do dourado ao âmbar. Apresentam malte tostado com notas de nozes, caramelo e sabor levemente amargo. Teor alcoólico médio. As variedades Marzen e Oktoberfest pertencem a esse grupo.




Larger Tipo Munich Clara (Helles): cervejas de coloração variando do amarelo ao ambar. Possuem acentuado sabor de malte e elevado aroma de lúpulo, com oscilação de amargor do suave ao intenso. Possuem médio teor alcoólico.
Larger Tipo Munich Escura (Dunkel): cervejas de coloração variando do cobre ao marrom. Apresentam aroma e sabor torrados, com notas de chocolate e nozes. Suave a médio amargor. Teor alcoólico médio.

Larger Tipo Rauchbier: cervejas de coloração variando do âmbar ao marrom. Possuem o sabor do malte com paladar defumado, algumas vezes remetem a bacon e gordura. Apresentam baixo amargor. Possuem médio teor alcoólico.

Saison: cervejas claras, secas e refrescantes, menos frutadas e mais condimentadas e lupuladas. Notas terrosas. Temperos, ervas e outros ingredientes podem ser usados.  São bem aromáticas. É uma variação do estilo Belgian Ale.



Larger Tipo Dortmund: cervejas de coloração amarelo-claro. De corpo médio, sabor do malte suave e equilibrado amargor. Possuem médio teor alcoólico.




Ale Tipo Weiss (Trigo): cervejas feitas com malte de trigo e malte de cevada. Coloração variando de amarelo-claro ao alaranjado. Encorpadas, com aromas frutados com notas de banana, cravo e sabor do malte de trigo. Teor alcoólico médio. Espuma branca, cremosa e intensa. A variação Hefeweizen refere-se à cerveja não filtrada e turva. Outras variações das cervejas de trigo são a Weizenbock e a Dunkelweize.






Ale Tipo Stout: cervejas de coloração negra e os aromas de torra, café, caramelo e chocolate. O amargor varia do médio ao intenso. São cremosas, com colarinho bege ou marrom claro. Teor alcoólico médio. Quando tem o paladar seco, temos a Dry Stout. Outras variações dessa cerveja são a Imperial Stout, a Dry Stout, a Sweet Stout e a Oatmeal Stout .





Ale Tipo Porter: estilo popular em Londres. O nome é derivado dos trabalhadores portuários que misturavam a cerveja Ale com outras para conseguir uma cerveja mais escura. E com teor alcoólico mais forte. Coloração variando de castanho ao negro. Aromas de malte torrado, com pitadas de chocolate e café. Cremosas. Deram origem ao estilo Stout.



Ale Tipo Kolsch: originárias da cidade de Colônia, no norte da Alemanha, são um tipo de cerveja de estilo Ale com semelhanças de Larger. Apresentam uma coloração amarelo-dourado com aromas do lúpulo que variam do suave ao intenso. Possuem colarinho de espuma branca e cremosa e, geralmente, são de médio teor alcoólico. Apesar das semelhanças com as Largers, as cervejas desse estilosão frutadas,em decorrência do fermento de alta fermentação.




 
Ale Tipo Bitter: coloração do âmbar ao cobre. É uma cerveja lupulada, com um amargor significativo. Relevante presença do malte. Teor alcoólico médio. As Strong Bitter são predominantemente de coloração cobre, com acentuado sabor do malte,com notas de nozes e caramelo e, pronunciado amargor. Aroma e paladar do lúpulo.


Ale Tipo Pale Ale: coloração âmbar e algumas, cobre. Forte presença do malte. Amargor de médio a intenso. Paladar final seco. Teor alcoólico médio.
Ale Tipo India Pale Ale (IPA): coloração do amarelo-dourado ao âmbar. Paladar com notas do malte, variando de médio a intenso. Pronunciado amargor. Estilo desenvolvido especialmente para o Exército Britânico presente nas colônias da Índia no século XVIII. Teor alcoólico entre o médio e o alto.
Ale Tipo Belgian Ale: coloração variando do âmbar mais claro ao âmbar mais escuro. Suave sabor de malte, baixo amargor e intensidade do lúpulo variando do mais suave ao intenso. São frutadas e aromáticas. Teor alcoólico alto. São variedades desse tipo as Saisons, as Trapistas, a Golden Ale, a Dark Ale e a Strong Dark Ale.
Ale Tipo Dark Mild/ Brown Ale: coloração variando do cobre ao marrom . Possuem sabor do malte com notas de caramelo e suave amargor. Apresentam ainda médio teor alcoólico e demonstram colarinho de espuma bege ou marrom-clara e cremosa.
Ale Tipo Dark Mild/ Barley Wine: coloração variando do âmbar ao marrom. Apresentem aroma frutado e amargor variável, podendo ser intenso. Possuem presença significativa de lúpulos aromáticos e alta concentração de malte, podendo ter açúcares residuais. São cervejas fortes e alto teor alcoólico.
Ale Tipo Alt Bier: coloração predominantemente marrom. Apresentam elevado sabor de malte associado a um amargor que varia do médio ao intenso e quase nenhum aroma de lúpulo. Médio teor alcoólico. Alt, em alemão, significa velho, antigo.
Ale Tipo Belgian Ale Trapista: cervejas fabricadas em monastérios trapistas e abadias medievais. Destacam-se quatro estilos típicos: Blond, Dubbel, Tripel e Quadrupel. São cervejas de teor alcoólico alto.
Blond: cerveja dourada, de espuma densa, porém de razoável persistência. Aromas frutados, como damasco e banana, mel, cereais e lúpulos herbais. No sabor começa adocicado como mel e malte, no final vai se tornando mais áspero e amargo.


Dubbel: cor marrom-avermelhada e creme bege. Encorpada e de sabores complexos que remete muito a maltes tostados, caramelo, café e chocolate. Um pouco doce e refrescante.


Trippel: são usados 3 tipos de malte, cevada, trigo e aveia e também estes 3 cereais na forma não maltada. Além destes ingredientes, são usados cascas de frutas e condimentos. É uma cerveja complexa com aromas e sabores de frutas e condimentos.


Quadrupel: Encorpada, contudo suave e agradável, a Quadrupel é engarrafada e datada de acordo com o ano de envase. É como um vinho de cevada (ou vintage beer) e não possui prazo de validade determinado, desde que conservada corretamente. Complexa e forte, possui notas de especiarias, malte e aroma de frutas secas.



Tipo Lambics: cervejas de coloração âmbar ou com a coloração da fruta adicionada em sua composição. São turvas, apresentam o paladar seco, com baixo teor de amargor e acidez intensa. São cervejas de fermentação espontânea. Podem também apresentar aroma de madeira, já que são armazenadas em barris de madeira.






Nenhum comentário:

Postar um comentário